Manutenção Preventiva em Iluminação

Postada por: Juliane Avancini em 21 de novembro de 2017 | Nenhum Comentário

A busca por redução de custos e o melhor aproveitamento dos recursos é tarefa constante em qualquer negócio e tem se tornado cada vez mais prioridade nas empresas. Investir em manutenção preventiva faz parte desta redução de custos, pois além se ser mais barata que a manutenção corretiva, diminui o risco de falhas de equipamentos que podem pôr em risco as operações da empresa.

O objetivo da manutenção preventiva é reduzir a probabilidade de falhas ou degradação no desempenho dos equipamentos. As ações de manutenção visam o aumento da confiabilidade e levam os equipamentos a operarem sempre próximos das condições previstas pelos seus fabricantes.

Para que esta manutenção seja eficaz, é necessário que haja um planejamento de acordo com uma série de critérios prescritos. Programar reparos em intervalos predeterminados e monitorar os equipamentos, é a melhor maneira de prevenir e evitar a manutenção corretiva.

Manutenção Preventiva em Iluminação

Um eletricista qualificado deve estar sempre presente durante as inspeções e reparos de equipamentos e dispositivos elétricos. Abaixo segue um resumo do que deve ser inspecionado na manutenção preventiva em iluminação. Para lista detalhada, dos demais itens a serem verificados clique aqui.

Lâmpadas de Descarga em Alta Pressão

Em iluminação, a manutenção preventiva é feita realizando a troca das lâmpadas de acordo com a sua via útil, mesmo antes de apresentarem falhas. É ideal que se faça esta troca, pois as lâmpadas depreciam seu fluxo luminoso ao longo do tempo, o que diminui a iluminância e prejudica na acuidade visual das pessoas. Quando o fluxo luminoso estiver abaixo de 75% do valor nominal do projeto será o melhor momento de troca.

Além da troca das lâmpadas, a limpeza regular das luminárias também deve ser considerada a fim de minimizar a perda do fluxo luminoso.

Fiação Elétrica

Com as novas tecnologias cada vez mais presentes, ocorre um aumento da demanda por energia elétrica, por isso realizar uma manutenção na fiação elétrica, para verificar perdas é imprescindível. Estima-se que a durabilidade da fiação elétrica seja de aproximadamente 30 anos. Quando as instalações elétricas estão defasadas, podem ocorrer pequenas falhas, como queda de energia, luz piscando, tomadas e equipamentos esquentando mais que o normal, queda dos disjuntores e até cheiro de queimado ou fumaça. A manutenção preventiva é necessária para se evitar prejuízos financeiros.

Reatores

Além da manutenção preventiva na fiação elétrica, a substituição de reatores, é recomendada quando o tempo em operação atingir a vida útil estimada do fabricante. Pois mesmo que o reator não apresente falha, ele apresenta degradação e quanto maior o tempo de uso, maior será a temperatura em operação do reator, levando a um consumo excessivo de energia.

Substituir os reatores eletromagnéticos por reatores eletrônicos, que possuem melhor desempenho, operam a uma temperatura somente 10°C acima da temperatura ambiente e ainda contribuem para a redução da conta de energia, faz parte de uma manutenção preventiva bem planejada.

A Lumino Energy Solutions traz a solução do gHID, reator eletrônico de alta frequência para lâmpadas de descarga em alta pressão (vapor metálico). Com o gHID, sua empresa perceberá melhora na vida útil da lâmpada, com manutenção do fluxo luminoso, e aumento da vida média de 2 a 3 vezes, reduzindo as despesas com manutenção e trocas de equipamento (para saber mais sobre o assunto, clique aqui). Entre em contato com a nossa equipe para realizar um estudo técnico detalhado com grandes ganhos em economia de energia e redução de custos.

Compartilhar

Deixe um Comentário